O “teste rápido” - procedimento que detecta o vírus HIV – é oferecido de forma gratuita nas unidades de saúde em Goiânia. O serviço é oferecido em nove unidades de atendimento 24 horas da capital, é simples, mas criterioso. Pode realizar gratuitamente o teste quem se encaixar no perfil de vulnerabilidade que, dentre outras situações, abrange usuários de drogas e profissionais do sexo.

 
Segundo informações da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), o teste rápido trabalha com uma margem de identificação da sensibilidade e especificidade do material coletado, podendo - através deste processo - detectar uma possível infecção. Não existem testes laboratoriais que apresentem 100% de sensibilidade e 100% de especificidade. Em decorrência disso, resultados falso-negativos, falso-positivos, indeterminados ou diferentes entre os testes distintos podem ocorrer na rotina dos laboratórios que o realizam, mas nestas situações novos procedimentos são realizados. Nos casos em que os resultados são positivos, os pacientes são encaminhados para o tratamento, também disponível na rede municipal de saúde.
 
Prevenção
 
Outro trabalho feito pela Secretaria Municipal de Saúde é o de prevenção da doença.   Somente no ano passado foram distribuídos nos postos de saúde da rede municipal 3.246.694 preservativos masculinos e campanhas são realizadas constantemente para conscientizar à população.
 
Unidades de saúde que oferecem o teste
 
Ciams do Jardim América.
Ciams do Novo Horizonte
Ciams do Urias Magalhães
Cais de Campinas
Cais do Jardim Guanabara
Maternidade Nascer Cidadão (teste rápido oferecido somente para gestantes)
Cais Cândida de Morais
Cais do Novo Mundo
Cais da Chácara do Governador