O mapa de calor do risco de Covid-19 em Goiás mostra que a taxa de contágio (Re) do coronavírus se manteve estável, mas em um patamar parecido com o da segunda quinzena de março. O pior momento nesta segunda onda da epidemia no Estado em relação à velocidade da contaminação foi entre o pós-carnaval (16 de fevereiro) e a primeira quinzena de março, quando a média das 18 ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários