Atualizada às 10h28. Uma técnica de enfermagem de 51 anos teve uma de suas mãos quebradas depois de ser agredida na noite desta segunda-feira, 31 de agosto, no Hospital de Campanha para Enfrentamento do Coronavírus, em Catalão, Sul de Goiás. A agressão partiu de uma gestante de 27 anos que foi à unidade de saúde em busca do resultado de uma tomografia, mas como não ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários