O homem suspeito de matar a companheira e jogar o corpo na cisterna de uma casa no Setor Chácara Vilage Santa Rita, em Goiânia, foi preso na manhã desta terça-feira (8). Ele estava sendo procurado pela Polícia Civil de Goiás e foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na Via Dutra, em Santa Isabel, Região Metropolitana de São Paulo.

Ao ser parado, o suspeito afirmou que saiu de Goiânia e seguia para o Rio de Janeiro em busca de emprego. Após confirmar com o delegado responsável pelo caso em Goiânia, a polícia prendeu o fugitivo em flagrante delito e o conduziu para a Delegacia da Polícia Civil em Santa Isabel (SP).

O crime foi descoberto na madrugada de domingo para segunda (7) após uma parente encontrar o cadáver da vítima no interior de uma fossa na casa dela. O homem fugiu e a polícia de Goiás compartilhou as informações do suspeito com a PRF, que localizou o veículo durante o patrulhamento na via Dutra.