Atualizada em 31.10.2020 às 19h47 Pedro Henrique Martins Soares, de 25 anos, preso às 6h30 da manhã desta sexta-feira (30), é apontado como um dos atiradores que se passaram por cliente no escritório dos advogados Marcus Aprígio Chaves, de 41 anos e Frank Alessandro Carvalhaes de Assis, de 47 anos, na última quarta-feira (28). Ele foi detido na casa da namorada ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários