Os pacientes que passaram nos últimos dias pelo Cais Garavelo perceberam um grande cartaz com o aviso do fechamento. A secretaria também distribuiu panfletos informativos orientando que até a inauguração da UPA do Jardim Buriti Sereno os pacientes de urgência e emergência procurem as unidades 24 horas do Jardim Nova Era, Setor Brasicon e Colina do Sul. Os atendimentos aos casos suspeitos de dengue serão feitos na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Buriti Sereno.

Cardiopata, a aposentada Ângela Carneiro da Silva, de 76 anos, teme não só a distância das outras unidades, mas também o congestionamento causado pelo redirecionamento dos pacientes que hoje são atendidos no Setor Garavelo. “Se o Cais do Nova Era, um dos mais próximos, já é lotado, imagina quando todos os que estão aqui forem para lá. Vamos morrer esperando?”, questiona.

Remanejamento

Não só os pacientes se revoltaram com o fechamento da unidade e com o atraso nas obras da UPA do Buriti Sereno. Segundo a diretora geral do Cais Garavelo, Grazielle Rodrigues, também foi difícil organizar o remanejamento dos mais de 200 servidores, que serão transferidos para as unidades de saúde dos setores Nova Era, Colina Azul, Buriti Sereno e Centro. “Conversamos com todo mundo para tentar fazer o melhor, mas nem sempre é possível. A unidade funciona neste local há 23 anos e o pessoal se organizou para trabalhar aqui. Porém, quando a Cais do Buriti Sereno ficar pronto, vamos resgatar esse pessoal.”