A Secretaria de Estado de Saúde de Goiás (SES-GO) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) têm o prazo de dez dias para explicar ao Ministério Público Federal de Goiás (MPF-GO)  sobre o envio aos municípios de frascos com doses da vacina contra a Covid-19, fornecida pelo Instituto Butantan, em quantidade menor do que o especificado nos rótulos. O ofício...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários