Um relatório do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado de Goiás (TCM) constatou divergências entre os contratos assinados e a execução dos serviços na iluminação pública de Goiânia. As empresas que assinaram contrato com a Prefeitura foram a Citéluz e a Vasconcelos e Santos. O requerimento para análise do TCM foi feito pela Câmara Municipal de Goiânia e encaminhado à...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários