A proposta da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) de conseguir receitas extratarifárias para o sistema da Grande Goiânia tem de ser sancionada até o fim deste mês para que os recursos sejam suficientes para barrar o aumento da passagem em 2020. A previsão da companhia é que o cálculo do reajuste chegue a um preço de R$ 4,45 a partir do próximo jane...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários