A titular da Secretaria Municipal de Saúde (SM), Fátima Mrue, defende que a responsabilidade da crise no Hospital Materno Infantil (HMI) não pode ser transferida para a Prefeitura, já que a unidade é de responsabilidade do Estado. Ela falou sobre o assunto com a imprensa na manhã desta terça-feira (2), logo após anunciar a abertura de um edital de chamamento para contratação d...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários