Apesar de a Prefeitura de Goiânia afirmar que conseguiu fazer a lição de casa e ajustar as contas sem a necessidade de reforma na legislação, o titular da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin), Alessandro Melo da Silva, reconhece que não foi por falta de tentativa e diz que em 2020, último ano da atual gestão do prefeito Iris Rezende (MDB), não será enviado nenhum ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários