Uma quadrilha, formada por 12 pessoas, foi apresentada, nesta terça-feira (22), como suspeita de explodir caixas eletrônicos no interior do Estado, nas cidades de Morrinhos, Goianésia e Nova Crixás. A prisão é resultado da Operação Integração l, realizada na segunda-feira (21), pela Polícia Civil (PC), nos municípios de Aparecida de Goiânia, Caldas Novas, Senador C...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários