Uma professora de sociologia foi algemada, levada para a delegacia e teve o aparelho de celular apreendido por ter filmado uma ação policial dentro do Instituto Federal de Goiás (IFG) de Águas Lindas, onde trabalha, na manhã desta segunda-feira (15). A Polícia Civil argumenta que a prisão foi necessária para que não fossem produzidos vídeos de adolescentes, que têm a image...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários