O professor de Geografia Wellington Divino Pereira, que em março foi afastado por 60 dias do Colégio Estadual Militar Américo Antunes, em São Luís de Montes Belos, desistiu de voltar a dar aulas na unidade. A decisão do profissional acontece mesmo após o arquivamento do processo administrativo em que era acusado, pelo comandante diretor e por cinco pais de alunos, de d...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários