A destinação dos recursos das emendas impositivas realizadas pelos deputados estaduais neste ano corrobora com a política de centralização do atendimento público de saúde. Todas as emendas, em razão de acordo feito pelos parlamentares com o governo no início do ano, são para a área da saúde e cada um dos 41 deputados teria R$ 2,75 milhões para destinação. Ao todo, 453 em...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários