Após denúncia de que o prefeito de Iporá, Naçoitan Leite (PSDB), teria desviado vacinas do município destinadas à prevenção da Covid-19 e imunizados seus familiares, o político, sua mulher e a secretária de Saúde, Daniela Sallum, estiveram nesta terça-feira (2) no laboratório particular Hemoclin, onde coletaram material para exames. Leite nega as acusações.  ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários