Seis policiais militares teriam executado Themison Eterno Vieira, de 30 anos, e forjado a cena do crime para simular um confronto, no dia 20 de dezembro de 2019. É o que aponta denúncia do Ministério Público de Goiás (MP-GO) acatada pelo Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) em dezembro do ano passado. O crime ocorreu dentro do apartamento da vítima, em Inhumas, Região...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários