A Polícia Civil (PC) realiza na manhã desta quarta-feira (29) uma reconstituição do momento em que a coordenadora de um Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei), Keilly Mágila Gonçalves, foi agredida por um ex-assessor de um político, no Residencial Buena Vista 2, em Goiânia. O suspeito foi identificado como Atos Feliciano e foi exonerado após o crime. A vítima, o suspeito e as testemunhas da agressão já foram ouvidos pela polícia. Após a r...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários