A Polícia Civil (PC) deve confeccionar nesta quinta-feira (5) o retrato falado do suspeito de estuprar uma idosa de 63 anos, em Trindade, na Região Metropolitana de Goiânia. A imagem deve ser divulgada ainda nesta quinta-feira. O crime aconteceu nessa terça-feira (3).

O suspeito estava escondido em baixo de uma cama na residência de um casal, localizada no fundo do lote da vítima. Ao ser visto pelos moradores, o homem correu e pulou muros até ter acesso à casa da vítima.

A mulher ouviu um barulho e quando abriu o portão, foi levada até um quarto, onde foi deixada inconsciente com o cheiro de uma substância química. No momento que a idosa acordou, o suspeito a mandou limpar os vestígios do estupro e fugiu do local com o colchão em que o crime ocorreu.

A mulher violentada descreveu o homem como sendo alto e magro e disse que ele estava encapuzado. A vítima passou por exames e os laudos médicos confirmaram o estupro.