A Polícia Civil investiga o caso de um jovem homossexual de 22 anos que teria sido vítima de estupro coletivo e tortura em Florianópolis (SC) na segunda-feira (31). O trabalho de apuração está sob sigilo. O episódio ganhou repercussão nos últimos dias, após mobilização nas redes sociais de grupos em defesa da diversidade sexual. A OAB-SC (Ordem dos Advogados do Bra...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários