A Polícia Civil de Goiás continua as investigações que apuram o recebimento ilegal ou irregular do auxílio emergencial que Governo Federal concedeu em decorrência da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2). Em Goiás, a operação Voucher realizada entre segunda e quinta-feira resultou na prisão de 106 investigados, sendo que 32 já se encontram detidos. Segundo a polícia, as equipes seguem fazendo t...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários