Após encontrar vestígios em um mata fechada de Bela Vista de Goiás, a Polícia Civil do município encaminhou Doraildes de Fátima e Vilma de Souza, respectivamente mãe e irmã de Fernanda de Souza, de 33 anos, até Goiânia, nesta terça-feira (18), para a coleta de saliva de ambas, a fim de comparar o material genético com as amostras recolhidas. Com o laudo da Polícia T...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários