O suspeito de matar a auxiliar de serviços gerais, Solange dos Santos, de 37 anos, mudou a versão do crime durante a reconstituição que foi realizada nesta terça-feira (13). A Polícia Civil refez os passos do autor e vítima no dia do crime e o delegado que cuida do caso, Divino Vieira Ferro, não acredita nas novas informações dadas pelo suspeito. Para ele, a segund...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários