Após a chacina de uma família em uma chácara na BR-070, em Ceilândia (DF), no dia 9 de junho, Lázaro Barbosa de Souza, de 32 anos, deixou com as vítimas dos crimes que vieram na sequência uma série de pistas do que pode ter acontecido na propriedade rural e o que pretendia fazer em seguida. Foram pelo menos seis roubos e na maioria ele passou horas com quem estava nas...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários