A Polícia Federal indiciou na noite da quinta-feira, 19, sete funcionários da Vale e seis da empresa de consultoria alemã Tüv Süd por falsidade ideológica e produção de documentos falsos, no processo que investiga o rompimento da barragem da mineradora em Brumadinho, Minas Gerais, ocorrida em 25 de janeiro. As duas empresas também foram indiciadas. Segundo as investig...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários