Uma servidora pública em cargo comissionado de assessora na Secretaria de Estado da Administração (Sead) e um vigilante penitenciário temporário (VPT) foram presos em flagrante, nesta quinta-feira (19), suspeitos de usar documentos falsos para aplicar golpes. Segundo a Polícia Civil, os documentos seriam utilizados para contratação de empréstimo consignado nos va...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários