Nesta terça-feira, 23, o boletim epidemiológico da Capital confirmou o 16º óbito em decorrência de complicações causadas pela Covid-19. Uma mulher, de 40 anos, residente de Palmas, mas que estava em tratamento contra um câncer em uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) em um hospital de Goiânia (GO).  

Além disso, mais 77 novos diagnósticos positivos foram confirmados nas últimas 24 horas. Com isso, a Capital totaliza 1.391 registros do novo coronavírus, desse total, já são 838 pessoas recuperadas. O boletim informa que 76 pessoas estão em isolamento domiciliar e uma está hospitalizada.

Internações

A taxa de ocupação hospitalar da Capital é de 34,13%. Os leitos clínicos públicos e privados possuem 24,66% de suas instalações utilizadas. Já nos leitos de UTI, a capacidade ocupada é de 47,17%.   Estão internados 12 moradores de Palmas nas redes pública e privada em consequência de infecção por Covid-19, dos quais seis são considerados graves e seis estão com quadros estáveis. Há também mais sete pacientes de Palmas hospitalizados com suspeita da doença, mas que aguardam o resultado dos testes.

Outros 17 pacientes de outras localidades estão internados na Capital, dos quais 15 em estado grave e dois estáveis, além de seis pessoas com suspeitas de contaminação da doença.

Contágio

Em relação às possíveis fontes de contágio dos 1.391 registros positivos, são 699 (50,3%), que podem ter sido contaminados por meio de transmissão comunitária. Outros 485 (34,9%) tiveram contato com casos confirmados em Palmas, 85 (6,1%) foram infectados após viagem para outros estados, 58 (4,2%) estão em investigação epidemiológica, 57 (4,1%) contraíram o vírus após viagens para o interior do Tocantins e sete pessoas (0,5%) estiveram em viagem no exterior.

Com o novo óbito nesta terça-feira, Palmas é, ao lado de Araguatins, a segunda cidade com o maior número de mortes em decorrência da Covid-10. Os dois municípios registram 16 óbitos cada e só ficam atrás de Araguaína, que teve 52 mortes com complicações da doença até o momento. Em todo o Tocantins são 180 mortes.