A Justiça Federal de Goiás concedeu um habeas corpus preventivo em favor do aposentado Ivo Suzin, de 59 anos, e do empresário Filipe Barsan Suzin, de 29 anos, que possibilita o porte e o plantio de maconha (Cannabis sativa). Pai e filho viralizaram na internet após a família divulgar vídeos mostrando a melhora de Ivo, que sofre de Alzheimer, ao iniciar um tratamento c...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários