O padrasto do menino Danilo de Sousa, Reginaldo Lima dos Santos, de 33 anos, foi solto da cadeia na tarde desta quarta-feira (12), depois de ficar 12 dias preso na Delegacia de Investigações de Homicídios da capital. Na saída, Reginaldo falou à imprensa do sentimento de justiça feita e que a partir de agora terá um recomeço. Classificou o crime como um ato de psi...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários