O prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB), começou o ano com uma realidade no caixa bem diferente do que quando assumiu o atual mandato, em janeiro de 2017. Em vez do déficit mensal anunciado na época de cerca de R$ 30 milhões, Iris inicia o último ano da gestão com um superávit de R$ 28,9 milhões em média por mês, considerando o balanço das contas em 2019 que deve s...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários