Atualizada às 14h42. Um advogado, que não teve a identidade revelada, é suspeito de estar a frente de uma fraude praticada contra o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e desviar cerca de R$ 5 milhões que deveriam ser destinados a construção de casas, em Teresina, no Piauí. O investigado não foi localizado e já é considerado foragido pela polícia. Os p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários