Pela primeira vez neste ano a taxa de ocupação de leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19 em Goiás marcou 51%, a mais baixa registrada até agora. Apesar disso, as autoridades de saúde  ressaltam que ainda não é hora de relaxar com as regras de prevenção ao vírus, especialmente por conta das novas variantes do Sars-CoV-2.  De agora em diante, ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários