Sem perspectiva de obtenção de recursos junto ao governo federal, a superintendência em Goiás do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) tem apostado em parcerias principalmente com o governo estadual para avançar em novas iniciativas. Projetos como a restauração das ruínas do Arraial de Ouro Fino, entre Itaberaí e a cidade de Goiás, estão parados, ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários