A transmissão de novas cepas do coronavírus já pode ser comunitária em Goiânia, quando o contágio é feito entre pessoas que não estiveram em outras regiões. Nesta semana, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em parceria com a Universidade Federal de Goiás (UFG), fez o sequenciamento genético de três amostras. Duas foram identificadas como a cepa P1, de Manaus, e a ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários