O motorista de transporte por aplicativo Carlos Augusto dos Santos, de 25 anos, morto durante um assalto na noite deste domingo (13), em Goiânia, cursava o 5º período de Direito na Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC-GO), segundo contou um primo. Natural de São Luís do Maranhão (MA), ele morava na capital há cerca de quatro anos, era solteiro, sem filhos e mor...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários