O Ministério Público de Goiás em parceria com a Corregedoria da Polícia Civil cumpriu novos mandados de prisão de busca e apreensão em delegacias de Goiânia. A ação faz parte da Operação Arapuca, que investiga a ação de agentes suspeitos de integrar uma quadrilha que cobrava dinheiro para não investigar crimes. Iniciada há quatro meses, a investigação já havia resultado e...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários