O desmatamento de uma área de Cerrado nativo na Chapada dos Veadeiros, no Nordeste de Goiás, teve as punições agravadas após a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad) confirmar que mais de 500 hectares de mata virgem foram retirados do território Kalunga, além de não ter nenhum tipo de licenciamento ambiental. A multas aplicadas aplicadas ao p...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários