Mesmo com algumas restrições em razão da pandemia de Covid-19, o sistema de transporte coletivo da Região Metropolitana de Goiânia tem visto aumentar o número de passageiros desde março deste ano, mas ainda assim a demanda está 40% abaixo do que se tinha em novembro de 2019. O mês é referência por ser o último visto como “cheio”, já que as medidas sanitárias começaram a ser...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários