Apesar da força-tarefa lançada pelo governador Ronaldo Caiado na sexta-feira (9) para combater aglomerações, as cidades turísticas de Goiás ficaram lotadas no feriadão. O cumprimento de protocolos sanitários para prevenir o coronavírus (Sars-CoV-2) foi desprezado por muitas pessoas que decidiram viajar, apesar do incremento da vigilância. Mais de 300 policiais e bombeiros mil...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários