Arquitetos e urbanistas, usuários de bicicleta e representantes de entidades como a Federação Goiana de Ciclismo e de movimentos cicloativistas da capital - como Pedal Goiano, Pedal Tamandaré e Os Goiabas - se debruçaram, no fim de semana passado, sobre um mapeamento de possíveis rotas para os adeptos das bicicletas na capital. A proposta foi construída durante ...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários