Pelo menos 108 pessoas podem ter sido vítimas de agulhadas durante o carnaval de Pernambuco neste ano. O número reflete o total de pessoas que buscaram o Hospital Correio Picanço, na Tamarineira, Zona Norte do Recife, até esta quinta-feira (7), e relataram os ataques. O Jornal do Commercio reporta que, de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), 75 pacien...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários