A Polícia Civil (PC) pode expedir um mandado de prisão contra o médico Wesley Murakami, que é investigado por suspeita de deformar o rosto de pacientes em Goiânia, caso ele não preste depoimento na próxima semana. O procedimento estava agendado para esta sexta-feira (14), no 4º Distrito de Polícia de Goiânia, mas ele não compareceu. De acordo com delegado Carlos...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários