“Oi, Milleny do futuro!” Foi assim que a adolescente Milleny Lopes Costa iniciou uma carta que escreveu para si mesma aos 16 anos e que esperava ler aos 18, mas não teve tempo. Ela morreu em setembro de 2020 aos 17 anos após ter o intestino perfurado em procedimento cirúrgico realizado no Hospital Goiânia Leste, em Goiânia. O caso foi investigado pela Delegacia de Pr...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários