Um médico acusado de amputar a perna errada de um paciente foi afastado das funções desde segunda-feira (19), a informação é da Prefeitura de Cuiabá. O paciente, Marcos Antônio Nascimento, de 46 anos, teve as duas pernas amputadas e morreu no Pronto-Socorro da cidade, no último domingo (18). Foi aberto um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) para invest...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários