Lotes da Coronavac, vacina contra a Covid-19 produzida pelo Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac, estão chegando a Goiás com doses a menos que as especificadas nos frascos. É o caso, por exemplo, do lote 210060, que chegou a Aparecida de Goiânia a partir do dia 16 de março. O carregamento previa 8,8 mil doses, porém, efetivamente, havia 1.613 a menos, ...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários