Uma licitação para fazer a manutenção de 500 abrigos de ônibus e construir um mínimo de 200 novos ao longo de 20 anos em troca da exploração da publicidade no local se arrasta há mais de dois anos na Prefeitura de Goiânia sem previsão de um fim. A estimativa de valor a ser arrecadado pela empresa vencedora não é revelado, mas sabe-se que a demanda por abrigos novos o...

Olá, esta matéria é exclusiva para assinantes.

Não sou Assinante.

Para ler a matéria você pode usar as chaves de convidado e desbloquear o conteúdo.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários