A Polícia Civil ainda não tem uma tipificação estabelecida para o crime cometido por Allan Pereira dos Reis, de 22 anos, que confessou ter matado a namorada, a gerente de Fernanda de Souza Silva, de 33 anos, em Bela Vista de Goiás, no dia 12, mas avalia “várias hipóteses”, uma delas latrocínio (roubo seguido de morte). Os policiais que estão no caso identificaram aspectos que su...

Você se interessou por esta matéria?

Assinar O Popular

Você terá acesso ilimitado
a todo o conteúdo
VER PLANOS
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários