A Polícia Civil de Goiás apresentou nesta quinta-feira (25), Jorge Santana de Araújo, de 24 anos, como suspeito de integrar a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). Ele é apontado nas investigações como especialista na fabricação caseira de artefatos explosivos e furtos a caixas eletrônicos. Ele foi preso na última terça-feira (23), pelo Grupo Antirroubo a...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários