A Justiça condenou o Estado de Goiás a pagar, por danos morais, uma indenização de 200 mil reais ao adolescente Luca Barboza Carrasco, filho do delegado Osvalmir Carrasco Melati Júnior, morto na queda de um helicóptero da Polícia Civil de Goiás, em Piranhas, a 320 km da capital, em 8 de maio de 2012. A decisão, emitida nesta quarta-feira (1º), é do juiz Thiago Inácio...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários