Atualizada às 20h29 O médium João Teixeira de Faria, conhecido como João de Deus, foi condenado pela Justiça de Goiás, nesta quarta-feira (7), a quatro anos de prisão em regime aberto pelo crime de posse ilegal de arma de fogo. A decisão é da juíza Rosângela Rodrigues dos Santos, da comarca de Abadiânia, cidade em que ele realizava atendimentos espirituais. Ana Keyla Tei...

Você se interessou por este conteúdo?

Seja nosso convidado.

É só usar as chaves para abrir até
5 conteúdos por mês.
QUERO ASSINAR
Os comentários publicados aqui não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade de seus autores.

Comentários